Componentes do App-V

O Microsoft Application Virtualization é composto pelos seguintes aplicativos:

Microsoft Application Virtualization Client

O Application Virtualization Client é o componente que executa os aplicativos virtuais, permite que os usuários interajam com os ícones para iniciar um aplicativo virtual. Ele também lida com a transmissão de conteúdo dos aplicativos de um servidor de transmissão e o armazena no cache antes de iniciar o aplicativo.

Microsoft Application Virtualization Sequencer

O Microsoft Application Virtualization Sequencer é a ferramenta de virtualização dos aplicativos. Esse processo é conhecido como sequenciamento. O App-V Sequencer monitora e registra o processo de instalação e configuração dos aplicativos para que eles possam ser executados como aplicativos virtuais. Instale o Sequencer em um computador que tenha apenas o sistema operacional instalado. Uma alternativa é instalar o Sequencer em um computador executando um ambiente virtual — por exemplo, o Microsoft Virtual PC. Esse método é útil porque é mais fácil manter um ambiente de seqüenciamento limpo que possa ser reutilizado com poucas configurações adicionais.

System Center Application Virtualization Streaming Server

O Application Virtualization Streaming Server oferece streaming de aplicativos, incluindo atualizações ativas de pacotes, sem utilizar banco de dados ou um domínio.

O Streaming é um termo usado para descrever o processo de obtenção de um pacote sequenciado, começando com uma “parte” do aplicativo, em seguida a obtenção do resto. Dessa forma permite que o aplicativo seja rapidamente disponível para o usuário. Permite que os administradores implantem em servidores existentes ou adicionem streaming a sistemas de ESD (distribuição eletrônica de software como SCCM).

 

System Center Application Virtualization Management Server

O Microsoft Application Virtualization Management System inclui o Microsoft System Center Application Virtualization Management Console e Microsoft System Center Application Virtualization Management Service, além do SQL Server e o Dominio.  Utilizamos a App-V Management Console para configurar o App-V Management Service, além de poder gerenciar (adicionar e remover aplicações virtualizadas e atribuir permissões). O App-V Management Service é responsável pela comunicação com SQL Server.

 

Até a proxima,

[]’s

Aurélio Alves

 

Sobre Aurelio Alves

Certificado Microsoft em Windows Vista, Windows 7, BDD, MDOP, SCCM, SCVMM, Windows Server 2003, Windows Server 2008. MCP, MCSA,MCITP e MCTS. Com 6 anos de experiência na área de Tecnologia da Informação trabalho como consultor especialista em tecnologias Microsoft focado em gerenciamento e virtualização, atuando diretamente com a família System Center, MDOP e Hyper-V.
Esse post foi publicado em Application Virtualization e marcado . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s